A meta da Sprint é mencionada várias vezes no Scrum Guide, no entanto, poucas equipes sabem seu propósito e como definir uma meta de qualidade e valor. Com o objetivo de fornecer foco a equipe de desenvolvimento durante a Sprint e trazer a perspectiva de valor sobre o incremento a ser construído, se a meta for apenas um conjunto de itens a serem concluídos, é provável que a equipe trabalhe isoladamente, pois cada pessoa trabalha em um item, mas a equipe estará “remando” em direções diferentes.

Então, quando definimos a meta da Sprint?

A Planning é a cerimônia em que a meta da Sprint é criada, o mais importante é defini-la logo no início, pois tal procedimento evita que o time de desenvolvimento permita que algum item fora do contexto seja incluído no Sprint Backlog.

Muitas equipes acreditam que apenas o Product Owner é responsável pela meta da Sprint; o que não é verdade. Durante a Planning, o Product Owner apresenta o objetivo explicando o valor dos itens, mas o Time de Desenvolvimento é o responsável por limitar a capacidade de sua entrega. E se não existir um acordo nessa definição? É aqui que entra o Scrum Master, que irá agir como um facilitador na negociação e ainda orientar na definição de metas adequadas, ou seja, a meta da Sprint é uma responsabilidade de todo o Time Scrum.

O que mudou no framework?

Uma das alterações do Scrum Guide de 2011 para 2013, enfatizou a importância da Daily como um evento de planejamento, pois muitas vezes essa reunião estava sendo executada como um status report. Lembrem-se: o Scrum promove a entrega de valor antecipado para o negócio, mas sem um valor definido estamos sujeitos a realizar apenas mais uma entrega.

Todos os dias, a equipe de desenvolvimento deve entender como pretende trabalhar em conjunto de forma auto-organizada para atingir a metae criar o incremento previsto até o final da iteração. A entrada para a reunião deve apresentar o status da equipe para a alcançar a meta Sprint; o resultado deve ser um plano novo ou revisado que otimize os esforços da equipe no cumprimento da meta da Sprint. Para esse fim, as três perguntas foram reformuladas:

  1. O que eu fiz ontem que ajudou o Time de Desenvolvimento a atingir a meta da Sprint?
  2. O que eu farei hoje para ajudar o Time de Desenvolvimento a atingir a meta da Sprint?
  3. Eu vejo algum obstáculo que impeça a mim ou ao Time de Desenvolvimento no atingimento da meta da Sprint?

Se você está lutando para criar uma meta alcançável, que todos do time entendam, e não seja uma lista de itens a serem concluídos, use o modelo abaixo:

Nosso foco está em < Resultado >
Acreditamos que ele fornece < Impacto > ao < Cliente >
Isso será confirmado quando < Evento acontecer >

Exemplo:

Nosso foco é terminar todos os itens que suportam a integração SAP. Acreditamos que esses oferecem satisfação e resolução ao nosso gerente de projetos. Isso será confirmado quando o Epic MTC-987 for fechado no Jira.

Nosso foco é ter uma garagem arrumada onde possamos colocar nosso carro. Acreditamos que diminui o risco de o carro ser roubado e aumenta nossa tranquilidade. Isso será confirmado quando o carro estiver na garagem.

E por que o primeiro exemplo é inadequado?

Bem, o que acontece se você não puder fechar o MTC-987 no Jira? E se você descobrir que há mais coisas a fazer? Você entendeu o valor dessa meta? Devemos nos concentrar em agradar a um colega de trabalho ou nosso gerente? Não devemos focar no cliente ou na pessoa que receberá o valor?

Que tal trazer um exemplo de meta de Sprint conectado a nossa realidade?

Nosso foco é ter um protótipo em funcionamento instalado nos iPhones e dispositivos Android da equipe de Produtos que forneça o dashboard e efeitos de transição modernos. Acreditamos que ele demonstrará a superioridade do UX/UI comparados à nossa solução herdada. Isso será confirmado quando a equipe de Produtos usar o aplicativo no sistema operacional para dispositivos móveis, acessar a dashboard e nos fornecer feedbacks sobre a experiência do usuário.

Onde podemos fixar a meta da Sprint?

Nas reuniões diárias deixe a meta da Sprint próxima do quadro de tarefas ou do gráfico de burndown, isso fará com que todos do time possam observar seu trabalho e saber se estão executando um plano condizente com a meta.

Onde podemos registar a meta da Sprint no Azure DevOps?

No Azure DevOps você precisa instalar a extensão Sprint Goal. O mais bacana dessa solução é que a meta da Sprint fica registrada no Sprint Backlog e visível tanto no quadro de tarefas como no Dashboard (Widget).

E no Jira?

Existe um plugin com a mesma finalidade para as versões Server do Jira, o Agile Sprint Goals. Ele fornece opções customizadas e também já vem com um Widget que pode ser utilizado no Dashboard.

Caso você esteja usando a versão on-line, o Jira já possui um campo específico para o registro da meta da Sprint. Confira o passo a passo abaixo:

Durante a reunião de Sprint Planning, definir uma meta não é mais uma opção, é uma ação fundamental para dar senso de propósito ao Time de Desenvolvimento. Podem existir falhas nesse processo, assim como a presença de uma ou mais das disfunções discutidas neste artigo. Contudo, por que não tentar? Apesar de não ser uma ciência exata, quando bem definida, a meta regasta o engajamento. Como diz o escrito britânico Benjamin Disraeli: “O segredo do sucesso é a constância do propósito“.